O seu carrinho de compras está vazio

Blog

             
CONHEÇA O SIGNIFICADO DOS AMULETOS DA SORTE
23.03.2019
News

Saiba o que uma Mão de Fátima ou uma Ferradura pode fazer por si

 

Passar por baixo de escadotes pode dar azar, o mesmo acontece se olhar para um espelho partido ou se encontrar um gato preto na rua. Há quem acredite piamente em superstições e tente arranjar uma forma de se manter protegido contra cada uma delas e, a grande maioria, aposta em amuletos da sorte.

 

É da Roma Antiga que surgem os primeiros registos de amuletos da sorte. A palavra, vinda do latim “amuletum”, refere-se a um objeto que deve ser utilizado como defesa para algum mal. Terá sido Plínio, o filósofo Romano, a atribuir-lhes este significado e, segundo ele, existem três tipos de amuletos: os que oferecem proteção contra más energias, os que têm substâncias curativas e os que devem ser usados como remédios.

 

Na Magnolia encontra uma vasta coleção de joias que contém amuletos da sorte. Desde pulseiras a fios com pendente e até anéis. Mas sabe, na realidade, o que simboliza cada um destes amuletos? Deixamos-lhe uma lista com algumas das suas características.

 

Mão de Fátima

Apesar de o nome poder lembrar a religião católica, a verdade é que a Mão de Fátima é um símbolo do islamismo. Também conhecido como Hamsá, este amuleto simboliza os cinco pilares da fé islâmica. No judaísmo foi apontada como proteção contra o mau olhado, crença que é transversal à cultura popular. Na Magnolia encontra várias joias com este amuleto, como os fios com pendente, que pode conhecer através do site.



Olho Turco

Também conhecido como Olho Grego, ou Nazar Bancugu, que significa conta do rosário, este amuleto absorve as energias negativas ao mesmo tempo que limpa e protege contra o mau olhado e a inveja. Para os gregos, influenciados pelas crenças do Antigo Egito, este símbolo, que encontra em joias como este fio com o olho em pedra negra e brilhantes, está associado ao “olhos de Hórus”, que está ligado à clarividência.

 

 

 

Ferradura

Os Gregos viam o ferro como o elemento mais poderoso de todos, que os protegia contra todos os males. Foi nessa época que as ferraduras começaram a ser associadas às energias positivas e à boa sorte. Mais tarde, os agricultores começaram a colocar ferraduras nas portas de suas casas e nos celeiros, para afastar os maus espíritos. Hoje em dia, crê-se que este símbolo, que encontra nesta pulseira de prata da Magnolia, afasta os azares e traz boa sorte a quem o usar.

 

 

Trevo de Quatro Folhas

É talvez o símbolo da sorte mais popular de sempre e cuja crença se manteve desde a época dos Celtas. Nesta época, os Druidas, filósofos e conselheiros da sociedade, acreditavam que quem tivesse este amuleto teria tanta sorte como os deuses e seria ainda dotado dos poderes da floresta. Hoje em dia é raro conseguir encontrar um trevo de quatro folhas, estima-se que exista um por cada dez mil com três folhas mas, quem o conseguir encontrar, ou quem usar este anel com o trevo de quatro folhas da Magnolia, terá certamente muita sorte.

 

 

Cruz

Na Antiguidade as cruzes eram vistas como símbolos de morte. Tudo mudou quando os cristão a adotarem como símbolo de vida e sacrifício, depois de Jesus Cristo ter sobrevivido à morte após a crucificação. Hoje em dia, mais do que um uma crença, a cruz simboliza uma forma de proteção contra o mal e atração de boas energias. Na Magnolia encontra várias peças com este símbolo, desde brincos a fios de ouro com cruz.

 

 

             
Sugerido para si